sábado, 22 de maio de 2010

SALADAS DE VEGETAIS

SALADAS

Fazem-se saladas de muitos vegetais, como alface romana e roxa, escarola, salsifis, capuchinhos, acelgas, tomate, batata, chicória, etc.


Na salada de alface, escolhem-se de preferência as folhas interiores, desprezando-se as outras, no caso de não estarem bem frescas.


Lavam-se em muitas águas e escorrem-se, antes de se colo carem na saladeira.


Só se temperam quase à hora de servir.


Quando a salada for de folhas muito tenras, dois a tres minutos bastam para as impregnar no tempero. Se forem duras, de dez a um quarto de hora.


Para uma alface grande ou duas pequenas, deita se num prato uma colher, das de sopa, de vinagre forte, três de azeite,
seis gramas de sal refinado, batendo e mexendo fortemente até ligar bem.


Querendo, pode substituir-se o vinagre por sumo de limão.


Quem gosta, deita também, uma colher, das de chá, de mostarda inglesa.


Verte-se esta mistura sobre as folhas da salada, remexendo bem, mas com cuidado, para não amachucar as folhas, o que as estragaria.


As saladas servem-se simples ou compostas. Fazem-se saladas simples de todos os vegetais enumerados, mais, couve--flor cozida, feijão verde cozido, feijão frade, batatas, etc.


Entram em muitas saladas outros elementos, como ovos cozidos, pétalas de chagas, beringela, que, além do gosto, são elementos decorativos.


As saladas compostas tanto podem ser de vários vegetais associados ou ainda, carne, peixe ou crustáceos com qualquer desses vegetais.

Sem comentários: